Governo do Amazonas realiza sensibilização sobre destinação adequada de resíduos sólidos em áreas de intervenção do Prosamim
12/02/2019 20:09 em Turismo & Meio Ambiente

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Região Metropolitana de Manaus (SRMM) e da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), realizou, na manhã desta terça-feira (12/2), a campanha de sensibilização “Sou amigo dos igarapés”. A sensibilização ocorreu na rua Walter Rayol, no bairro Presidente Vargas, zona sul de Manaus, e teve o objetivo de levar informações sobre as redes de esgoto, que foram instaladas pelo programa, e sobre o descarte correto do lixo.

 

O trabalho de mobilização socioambiental foi realizado com a distribuição de cartilhas e conversas com os moradores da região. A sensibilização incluiu  orientações sobre a implantação da coleta seletiva no bairro, horário do carro coletor e o melhor momento de condicionar dejetos para que as redes de esgoto funcionem corretamente. A campanha contou com o apoio da Prefeitura de Manaus e segue até essa quarta-feira (13/2).  

 

De acordo com a coordenadora do trabalho técnico social do Prosamim no São Raimundo, Lillyan Barroso, foram abordadas 249 famílias no entorno da Ligação Luiz Antony (LLA) e na rua e travessa Walter Rayol. “Percebemos muitos objetos descartados de forma desordenada, fora do horário, além de lixeiras viciadas. A intenção é fazer todos acolherem o projeto”, afirmou Lillyan Barroso.

 

Um dos moradores que acolheu o projeto é o aposentado Pedro Simeão Barroso, 74 anos, que aproveitou a presença da equipe do Prosamim para obter orientações sobre como destinar, corretamente, óleo de cozinha. “Temos que ter consciência em destinar os sacos plásticos, garrafas PET e óleos de fritura, que é um dos mais poluentes. O Prosamim é nosso e temos que cuidar”, detalhou o aposentado.

 

A ação faz parte do trabalho de mobilização socioambiental do Prosamim, proposta pelo Banco de Desenvolvimento Interamericano (BID), com o intuito de garantir melhorias nessa localidade para reduzir a incidência de doenças.

 

FOTO: Tiago Corrêa (SRMM)

Assessoria de Comunicação e Imprensa da Seinfra:

Alessandro Bandeira (99119-5792) e Girlene Medeiros (98103-6963)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!